14 de abr de 2010

O brasileiro e a propaganda.

O Ibope acaba de divulgar a sua pesquisa “Como o brasileiro percebe e avalia a propaganda”, encomendada pela Abap/Associação Brasileira de Agências de Publicidade, que aponta que 87% dos brasileiros disseram gostar de publicidade e 67% consideram que ela tem um importante papel em suas vidas.

O estudo também mostra que 69% dos entrevistados declaram estar expostos à propaganda de produtos ou serviços sempre ou frequentemente.

Na percepção dos brasileiros, a propaganda tem caráter informativo (66%), persuasivo (25%) e econômico (10%).

Os entrevistados disseram acreditar que a propaganda atualiza as pessoas (60%), diverte (41%), dá mais escolhas ao consumidor (61%), ajuda a gerar empregos (55%) e contribui para o desenvolvimento econômico (52%).

71% dos entrevistados acreditam ainda que ela melhorou nos últimos cinco anos, tornando-se mais inovadora e respeitando mais o consumidor.

Apenas 16% dos entrevistados acreditam que ela estimula a compra do que não é necessário.

A propaganda voltada para o público infantil é percebida de forma positiva por 55% dos pais de crianças de até 12 anos.

Quando analisadas as restrições em relação às categorias de produtos, 64% concordam que a propaganda de cigarro seja proibida.

A pesquisa realizou duas mil entrevistas domiciliares entre 24 de outubro e 2 de novembro de 2009. Foram ouvidos homens e mulheres de 16 a 69 anos, das classes ABC, nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba, Belo Horizonte, Distrito Federal, Fortaleza, Recife e Salvador.

Fonte: ccsp.com.br