25 de jan de 2012

AS 5 LIÇÕES DE CHURCHILL.

Na data de ontem, 24 de janeiro, morria, em 1965, um dos cinco maiores homens da história da humanidade no século XX – Sir Winston Churchill, o primeiro-ministro inglês que levou as nações aliadas à vitória contra o nazi-fascismo na II Guerra Mundial.

Churchill criou o V da Vitória quando a Inglaterra estava para ser invadida pelos então poderosos exércitos de Hitler e ninguém dava um centavo pela sobrevivência da ilha.

O V da Vitória num momento assim foi um gesto de ousadia, um toque de genialidade. Ele injetou ânimo, deu forças ao mundo livre, impregnou de coragem a todos os que lutavam contra o nazi-fascismo e acabou virando o grande símbolo da liberdade, a marca de todas as vitórias do homem, as grandes e pequenas vitórias, desde então, em todos os tempos, até nos países onde Vitória não se escreve com V.

Churchill escrevia e falava tão bem que mereceu por isso um Prêmio Nobel de Literatura. É dele a famosa citação do “sangue, suor e lágrimas”, que os ingleses haveriam de verter muito até chegar à vitória na guerra.

Escrevendo sobre a data, no jornal “O Globo”, o economista Rodrigo Constantino lembra as 5 lições de Winston Churchill, segundo Paul Johnson:

         1 – Pense sempre grande.

         2 – Nada substitui o trabalho árduo.

         3 – Nunca deixe que erros e desastres o abalem.

         4 – Não desperdice energia com coisas pequenas e mesquinhas.

         5 – Não deixe que o ódio domine, anulando o espaço para a alegria na vida.